segunda-feira, 1 de janeiro de 2018

EFEITOS AO INGERIR UMA POÇÃO DESCONHECIDA



Ano novo chegou e o blog começa 2018 com tabela aleatória dupla, já que quanto mais tabelas melhor!

Agradeço ao pessoal dos grupos de whatsapp OLD SKULL RPG e TAVERNA DO OLD DRAGON pela ajuda em montar as tabelas e por Luiz do grupo do DCC RPG que deu a ideia de montar a tabela.


1D20  - EFEITOS AO INGERIR UMA POÇÃO DESCONHECIDA (TABELA I)

1 – Uma coceira insuportável toma conta do aventureiro e todo pelo de seu corpo começa a cair até que não sobre nada.

2 – Surgem ventosas nas mãos do aventureiro que são capazes de grudar em qualquer superfície.

3 – O aventureiro tem um sangramento horrível nos olhos, mas sem danos reais.

4 – Surgem escamas rígidas semelhante a pedras por toda pele do aventureiro. O mesmo perde metade de sua movimentação e mobilidade.

5 – Um odor insuportável exala das axilas do aventureiro.

6 – Surge um par de olhos na nuca do aventureiro, dando-lhe a possibilidade de enxergar pela frente e pelas costas.

7 – Surgem guelras no pescoço do aventureiro, dando a habilidade de respirar debaixo d'água.

8 – O aventureiro desenvolve uma dor de barriga macabra e evacua um golem pequeno de fezes que lhe serve até a morte.

9 – Aventureiro começa a expelir fumaça branca pela boca em grande quantidade que cobre todo local.

10 – O aventureiro só consegue se comunicar através de rimas.

11 – A língua do aventureiro fica inchada e o mesmo não consegue falar por 1d4 horas.

12 – O aventureiro fica invisível por 1d4 turnos. Mas também fica cego por esse tempo.

13 – O aventureiro desenvolve um irracional medo de um número aleatório entre 3 e 18.

14 – O aventureiro vira uma cabra.

15 – O aventureiro fica com a pele fosforescente.

16 – O aventureiro encolhe ao tamanho de uma formiga

17 – Os braços do aventureiro ficam imóveis

18 – A pele do aventureiro fica transparente

19 – O aventureiro tem alucinações (pode ser até a visão de um mundo paralelo/espiritual)

20 – O aventureiro fica com os ossos de borracha, não sofre dano externo simples, mas não possui equilíbrio.



1D20  - EFEITOS AO INGERIR UMA POÇÃO DESCONHECIDA (TABELA II)

1 – As mãos começam a formigar e inchar, impedindo o aventureiro de segurar qualquer coisa.

2 – A pessoa é metamorfoseada, mudando completamente sua aparência para outro gênero, raça, idade ou todas as anteriores. (Role 1d4).

3 – O aventureiro começa a conversar sozinho e a gaguejar.

4 – Por 1d4 turnos a pessoa fica cega, porém sua sabedoria aumenta em +1.

5 – O aventureiro começa a ter medo irracional de garrafas

6 – Tudo que o aventureiro quer falar, diz o oposto.

7 – O corpo exala um odor extremamente atrativo pra goblins

8 – Toda vez que o aventureiro fica feliz cai um de seus dentes.

9 – O nariz do aventureiro se transforma em um bico ou focinho.

10 – O aventureiro se apaixona perdidamente pela primeira pessoa que vê após tomar a poção por 1d6+1 dias.

11 – A poção lhe causa gases de cheiro insuportável.

12 – A pessoa entra num sono profundo e só acorda ao receber um beijo no nariz.

13 – O aventureiro troca de corpo com o primeiro ser vivo que atacar por 1d4 dias.

14 – Brota uma “antena” orgânica da testa do aventureiro, lhe dando a capacidade de rastrear inimigos pelo som.

15 – O aventureiro espirra uma gosma grudenta que pode ser usada para colar coisas.

16 – O aventureiro incha feito balão e poderá flutuar até que solte todos os gases.

17 – Algum dos cinco sentidos do personagem se torna superpoderoso por 1d4 turnos (rolar d6 pra determinar: 1. Paladar, 2. Ofato, 3. Visão, 4. Audição, 5. Tato, 6. Rolar novamente)

18 – O Aventureiro possui a capacidade de soprar uma labareda de fogo. No entanto, sua boca recebe queimaduras de 3° graus.

19 – O aventureiro se torna intangível por 1d4 turnos. O mesmo pode atravessar paredes e qualquer objeto físico. O mesmo vale para suas roupas, itens e armas.

20 – O aventureiro desenvolve uma língua semelhante à de sapos capaz de grudar em superfícies. E também desenvolve uma estranha fome por insetos.

Créditos: Andreas Fernandes, Lucas Machado, Rensir, Richard Mor, Lucas Kisuke, Leonardo Vilella, Mônica de Faria, David, Marcelo Gonçalves, Rafael Beltrame, Maurilio Zucatelli, Luiz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário